quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Quero Gritar

"Sempre desprezei as coisas mornas, as coisas que não provocam ódio nem paixão, as coisas definidas como mais ou menos, um filme mais ou menos ,um livro mais ou menos. Tudo perda de tempo. Viver tem que ser perturbador, é preciso que nossos anjos e demônios sejam despertados, e com eles sua raiva, seu orgulho, seu asco, sua adoraçao ou seu desprezo.
O que não faz você mover um músculo, o que não faz você estremecer, suar, desatinar, não merece fazer parte da sua biografia " (trecho de O Divã de Martha Medeiros)


Quero gritar, mas quem vai me ouvir?

As vezes tenho a sensação que tudo o que tenho feito é em vão.

Confesso que estou desanimada.

Essa vidinha mais ou menos é pouco para mim.

EU QUERO MAIS....

Intensidade, alegria, sorrisos.

Eu tenho sede de V I D A, de vida plena, leve e livre.

Eu tenho fome de amigos, amor, liberdade e até de um pouco de insaniedade.

Eu tenho necessidade de atenção, colo, abraços, mimos.

Todos esses sentimentos me mantém viva, são meu oxigênio.

SOBREVIVER NÃO É O BASTANTE PARA MIM.


Ganhei do Blog http://jardimdeurtigas.blogspot.com/
Repasso para:

1) Meu irmãozinho Anderson Eduardo por suas belas imagens e textos

http://melhorangulo1.blogspot.com/

2) Pra querida Vivian, sempre tão sábia em seus comentários aqui e encantadoras com suas fotos e textos no blog
http://vivi-infoco.blogspot.com/




Esse ganhei da Su http://minhasmares.blogspot.com/
Repasso para:

1) Bruno do blog http://avoltadoexagerado.blogspot.com/

2) Esse vai para o Zé tal, que fez um texto segundo ele inspirado em mim..... então entre lá e leiam ok? O nome do post é Qual o sabor da paixão http://zetalves.blogspot.com/

76 comentários:

anderson eduardo disse...

Podes gritar, fazer o barulho que for, sempre estaremos aqui para te ouvir e visitar..... viva e curta bastante, seja feliz.... abração maninha e valeu por mais um selo.... tudo de bom

Sieger disse...

Gritar as vezes é tão bom... não no sentido de gritar com os outros, mas sim no de gritar pra fazer como diz a Claudia Leitte, extravazar!
Grite!!!!
BJs

Tatá disse...

Tenho muito de Martha em mim e comigo. Fantástico esse excerto.
Quanto a vontade de gritar, grite...com certeza, quem precisa ouvir entenderá o que você quer dizer.
"Viva a tua maneira, não perca a estribeira, saiba do teu valor, e amanheça brilhando mais forte, que a estrela do norte..." (T.Mágico)

Beijos

Saulo Oliveira disse...

Ain, tô nessa também visse. Um saco! Pronto! falei


hahahahaha


XD~

Eduardo Porto disse...

"Gritem!
Gritem irmão de sangue!
Pois a batalha da vida é sua e ela só pode ser vencida por vocês! Gritem com todo o ímpeto e todo o sangue!"

- Rei Eduardo III.

Giselle disse...

Fabi,
faça-os, grite, viva ...
E pode-se considerar minha amiga, viu?
E o convite continua em pé,q do quiser apareça ...
E meus parabéns por esses selinhos, vc os merece muitoooooooo !!!!
Enorme beijo e se cuida tá?

Jana disse...

eu sou assim tb, preciso ferver!

beijos

Raquel disse...

Grita, guria! Grita, põe a boca no trombone e vai atrás dos teus objetivos. Não devemos mesmo nos limitarmos a simplesmente existir! Devemos não somente sobreviver, mas VIVER, acima de tudo!

MELISSA S disse...

Grite. Ou entre numa aula de boxe. Faz bem. Mas mais bem ainda faz a coragem de dar um passo, pequeno q seja, em direção do que ser quer. Não sabe o que quer? Então apenas caminhe sem rumo. Pq pensar sem realizar, querer sem experimentar fermenta as possibilidades q tornam a vida mais bela.

Patricia disse...

Ouvi um grito e vim correndo!!!
Grite, faça bastante barulho, coloque pra fora o que você sente, pq mesmo que ninguém ouça, tenho certeza que vc vai se sentir mais aliviada.

Beijos
=)

H. Viana disse...

Hoje estou afim de gritar tb

Homero, O Tosco disse...

As vezes eu tenho esse sentimento também, uma necessidade de sair da mesmice,.
As vezes isso passa com uma viagem não planejada, um encontro com amigos que não vemos a muito tempo, ou fazendo algo que sempre tivemos vontade e nunca fizemos. Chacoalhar um pouco as coisas.
As vezes só gritar, desabafar não adianta, alivia um pouco a pressão mas não o vazio que esse sentimento causa. É repciso efetivamente agir.

Abraços.

Thiago disse...

Não gosto muito do grito, fico nervoso, irritado, mal humorado, eu prefiro gritar em silêncio na maior parte da minha vida!!

Viver sim, sobreviver não :)

um abraço!

░<«¿♥*Vivi*♥¿»> ░ disse...

Olá flor, tbm nao gosto de despedidas, mas por experiencia propria,( infelizmente), posso dizer que a "ausência" de uma despedida pode ser mto mais dolorosa......despedida de um amor, de um amigo, de um ente queerido.... sempre fica o vacuo...

Qndo ao grito tbm aprendi que ele é a maior fonte de oxgenacao da alma ,... huahauhau..... grita. é uma forma de colocar nossos demoniso pra fora e extravazar nosso sentimentos....
Grite.... mas grite com vontade, sem medo de parecer tola ou preoculpacao com a opiniao alheia (tbm aprendi isso rsrsr )

EXTRAVAZA, pq akele que nao vive com intensidade ( com todos os sentimentos acima citados em seu texto), nao vive, apenas se torna um mero espectador, da vida.

parabens pelos textos...

Bandys disse...

Vim correndo, mas preciso te dizer:

Ter verdadeiro sucesso na vida é: rir muito e muitas vezes; ganhar o respeito de pessoas inteligentes; gozar do carinho de pessoas; ter o reconhecimento de pessoas especiais .E saber suportar a traição de falsos amigos; apreciar a beleza; procurar o melhor nos demais; deixar o mundo um pouco melhor de como o encontraste - com um filho são, um jardim bonito ou uma pessoa mais feliz; saber que ao menos alguém viveu melhor graças a ti.

Voce é isso!
Que deus te proteja porque abençoado voce ja é.
Beijos

Todos os selos merecidissimos!
Amanhã tem festa, rsrsrsrs

Lilica disse...

Não desanime. A vida tem altos e baixos mesmo. Mas está certíssima: não se contente apenas em sobreviver, tem que viver com intensidade mesmo! Boa sorte! Beijão

tossan disse...

Grita sim e desbafe. Tem mais um selinho, se vc aceitar, tá lá no meu blog na postagem "Provisão" Bj

vilminha disse...

Olá Fabi, Deus disse "se fores morno te vomito, então sejas quente ou frio" e viva muito, com esta intensidade e energia que pude perceber por aqui. Gostei muito daqui, voltarei mais vezes. Parabéns por este espaço. Grite ao mundo sempre e torne o seu grito além de ser ouvido em palavras em ações e assim o mundo será de uma construção melhor. Beijos e ate breve.

Edna Federico disse...

Então vai a luta, a gente sempre pode mudar o que não está bom!
Beijo

Danielle Kimura disse...

TBM QUERO GRITAR!!!
Tá tudo um saco por aqui!
Sem dinheiro
Sem namorado
Sem porcaria nenhuma
Enfim, tudo anda uma martavilha ¬¬

Então grita comigo!

AAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHH!!!


Beijinhus (:

Dora disse...

Talvez você tenha sido surpreendida pela rotina. A rotina tem dessas coisas. Mas a rotina também pode ser bela. Depende de como a gente enxerga tudo. Muitas vezes, a gente sente um desânimo mesmo. Uma vontade de fazer uma reviravolta, mas nem sempre é o melhor... não sei, mas acho que o melhor é pensar em tudo que compõe a sua vida. Cada detalhe... mas não seixe de gritar... sempre tem alguém ouvindo. ;)
Cheiro bem grande e boa tarde.

Lu Olhosde Mar disse...

acho que nós somos gêmeas, separadas pelo nascimento. este post aqui e o debaixo... pelamooor! parece EU falando... beijo!!!1

Maria Fernanda disse...

Parabéns pelas indicações ;*

Thiago Ya'agob disse...

Boa tarde, Fabiana!
Desculpe, desde já, minha ausência em teu blog.
O corre-corre da vida está sendo intenso. rs

Viver...

Entendo sua frustração, eu também já passei, passo e sempre passaremos por isso.

O ser humano é inconstante, daí, nunca nos contentaremos com o meio termo. Já disse Camões (tá certo que num assunto diferente, mas tá valendo) - um contentamento descontente.

Abraço.
Shalom.

Thiago Ya'agob disse...

Boa tarde, Fabiana!
Desculpe, desde já, minha ausência em teu blog.
O corre-corre da vida está sendo intenso. rs

Viver...

Entendo sua frustração, eu também já passei, passo e sempre passaremos por isso.

O ser humano é inconstante, daí, nunca nos contentaremos com o meio termo. Já disse Camões (tá certo que num assunto diferente, mas tá valendo) - um contentamento descontente.

Abraço.
Shalom.

neo-orkuteiro disse...

Seu texto é intrigante, e muito eloqüente a foto, para meu prazer de leitor do seu blog. Até o texto em epígrafe foi adequado e proveitoso.
Fazer isso tudo aí é dar tanto oxigênio à alma quanto ela agüenta. A receita você mesma já deu, então.

Apenas eu disse...

Tens toda a razão! grita que gritar faz bem!
Mais ou menos para mim também não faz sentido nenhum.
Viver, é "levar" com tudo. e Reagir não estando anestesiada num mais ou menos que é igual a nada.

Beijinhos ó simpática!

Wagner L. Moreno disse...

sobreviver nao... somos capazes de muito mais! Viva em sua plenitude!

http://infocasa.blogspot.com

Gerly disse...

Gritar às vezes é um bom remédio, daquele que não cura, mas faz a gente se sentir melhor até a próxima vontade de gritar. rsrsrs...

Beijokas!

Luiz Caio disse...

Oi!Como vai?
Sentir fome de tudo... Achar a vida chata. Querer que as coisas aconteçam! Tudo isso é saudavel, e bom para o crescimento de cada um... Só precimos fazer valer a nossa vontade!

TENHA UMA LINDA TARDE!

Rosa Canela disse...

Oi Menina ...gritar as vezes é mais que preciso né ...na verdade é necesário ...
Tb sou dos extremos ...nada "mais ou menos" me completa ...na verdade eu descarto tudo que não é TUDO ...por que o tempo é muito precioso pra gastar com o mais ou menos ...

Beijos

Rosa

ANDREA MENTOR disse...

Somos tão parecidas Fabi!!! O meio termo me irrita. O morno nem percebo mais. Sou dos extremos. Ou faz acontecer ou deixa de tentar... Beijo grande amiga!!!

angel red disse...

"Sobreviver não é o bastante pra mim." Perfeito. Não se contente com metades, queira sempre tudo por completo.
Bjoks

Dedinhos Nervosos disse...

Vc está certa. Morno, só banho.
Bjos!

BRUNO LEONARDO disse...

Oi,linda

Também não gosto de nada morno...ou quente ou gelado!!
Mas,quando se sentir que lhe falta o oxigênio,respire fundo, cante,dance e confie..

Obrigado pelo selo!Lindo..
Vou colocar lá no meu Slide de selos..

BEIJOS

Nanda Assis disse...

com certeza merecemos o melhor das coisas, e devemos gritar por isso.

bjosss...

lpzinho disse...

Oiee superFabi!!!!

Passando rapidinho hj, mas com mto carinhoooo pra vc ai em cima!!
Olha.. não gritaaa não, deixa q os outros se percam em gritos... se faça valer da delicadeza de gestos e do brilho do teu ser pra alcançar tudo! ^^ Bjinhos com gloss!

Paula Cappelletti disse...

Hoje em dia, são poucos os que se contentam com simplesmente sobreviver, eu por exemplo não faço parte desse pouco :x
Preciso de adrenalina! :~

Luciana disse...

Frio de corpo-Frio de alma
Ontem eu senti tanto frio...Não sei se realmente fez tanto frio assim aqui no Gama,mais eu senti.
Acho que o frio que eu senti não tinha nada a ver com aquele frio da garota do tempo no jornal,o frio era de vazio,de estar só,de não ter ninguém pra me aquecer,não so o meu corpo,mais também a minha alma,com palavras bobas(que adoro sabe?Sou bobona assumida)que iriam me trazer gargalhadas,iria me deixar feliz(bem que a Lu me chamou,devia ter saído!).To precisando ficar feliz!Eu ando meio dormente,sabe como é estar dormente?É querer chorar,e não conseguir,sentir vontade,saber que é hora,mais nada.O choro não vem.É rir,mais rir muito mesmo,falar besteiras,adorar a noite mais depois...depois não tem nada.Eu estou assim,tenho dias maravilhosos e outros nem tão assim,claro que eu sei que na vida de todo mundo é assim,mais eu quero mais.Quero ter muuuuuuuuuuitos dias maravilhosos,quero poder dizer que estou feliz,(não que eu não seja,que isso fique claro,EU SOU MUITO FELIZ)que esse momento é o meu melhor momento,mais eu acho que é justamente essa vontade que me impede,me desespera.Daí atropelo as minhas chances.
Quem é meu amigo sabe,sou muito ansiosa,quero as coisas tudo na hora,e quando vejo uma coisa que agrada corro e faço de tudo para que ela seja minha.
Porque que quando o conselho é pros outros somos sempre tão sábios,ou porque sempre sabemos como devemos agir mais não o fazemos???...
Trechos de um texto la no meu Blog.Eu também sou assim como vc.Nada de meio termo,nada de 8 eu gosto mesmo é do 80.Gosto de viver de mais,de sair demais,de amar de mais,de dormir de mais,de comer demais(Por isso estou gordinha rs).Não gosto de estar "bem",pra mim tem que ser ótima.
Mais n é todo dai assim né?Então vamos lá,vamos pensar na gente,fazer so o q nos agrada,nos faz bem.E se ele não te faz bem,se pensar nele já te faz mal,tente não pensar.Vai sair,tomar uma,rir com as suas amigas.Vai estudar,trabalhar,ocupar seu tempo.Daí,qnd vc perceber vai ter passado e por incrível que paraça,aquele papo de "depende so de vc" é a mais pura verdade.Qnd eu decidi não mais sofrer,n mais esperar,fiquei melhor.Mais como já te disse,pra mim ficar melhor não basta tô correndo atrás de ficar ótima,hiper,mega,master,ultra,powerfeliz com ou sem ele...
Bjo

paula barros disse...

As vezes me sinto assim.

Quando algo não vai bem, quando a vida está numa rotação diferente da que gostamos temos mesmo que procurar algo para nos agradar.

Parabéns pelos selos e muito bem repassados.

beijos

Dama de Cinzas disse...

Belo texto da Martha! E bom desabafo o seu! Sabe que às vezes me sinto tão mais ou menos que faço uma loucura qualquer só pra me sentir viva... rs...

Beijocas

Jhennifer Cavassola disse...

Pode gritar, berrar, porém jamais pense que vc tem feito tudo em vão. Ok???? Nada que fazemos aqui é em vão.

Humm lindoss selos!! Amei! :)

Beijos querida. Tem postagem nova!!

Pelos caminhos da vida. disse...

Ando com um grito entalado na garganta, qualquer hora eu solto ele,assim creio que irá me aliviar.

beijooo.

Pelos caminhos da vida. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
PULCRO disse...

Grita, faz tão bem!



http://www.pulchro.blogspot.com/

Mila disse...

Bora lá gritar!!!
Vamos virar a mesa!!!!!!
heheheehhe
Parabens pelos presentinho!!!!
Beijos Mila

ex-controlador de tráfego aéreo disse...

Oi Fabiana,
Valeu pelo selo, só não sei como fazer para adicioná-lo ao blog.
E o seu texto, continuo lendo e gostando.
Um beijo!!!

Gleidston dias disse...

Parabéns pelo texto e um bravo para teu blog que é excelente espaço,big abraço vou ti add.
big!!!

Iúna disse...

enquanto que eu estou na fase de silêncio, de frio, de cinza, mas passa, o sol aqui está lindo, logo me tocará, eu sei.

Mauro Sérgio disse...

Já dizia o sr. Myiagi, aquele coroa comédia do caratê Kid:

"O seu karatê é sim ou o seu karatê é não. Se o seu karatê é mais ou menos, te pegam que nem uva."

Camila disse...

Bota pra fora menina e se joga!
=D
Beijos

Tâmara disse...

Eu tenho gritado muito!
E grito sempre!

beijos!

MCI disse...

É...
Viver no meio-tom não tá com nada!

Arrisquemo-nos, pois!

Abraço!

Renata disse...

Eu também quero mais pra mim... será que tem alguém no mundo que é satisfeito só com o que é e o que tem? Se tiver, pessoa acomodada que é, não?

Beijo.

Olhos Virtuais disse...

Olá....
gostei muito do seu blog e voltarei mais vezes viu...

bom fds
bjs

Luifel disse...

Grite, se te faz bem, grite!


Bj

Leandro disse...

Com certeza!! Aproveite a vida, provavelmente essa será a única. Ninguém sabe se teremos outra vida.
Beijo

Lucí disse...

Olá amadinha..

Só pelo fato de vc sentir-se assim, já é um passo..ao menos nao esta no comodismo...

E grita.. que eu te escuto daqui ohhh:::

Bjo.. otimo final de semana, e que a fada sininho realize todos os seus desejos..

^^

Tathiana disse...

Acho q sair da "mornidão" só depende da gente mesmo! Faça coisas diferentes, faça o q der vontade.
Beijos.

confissoesaesmo disse...

Amor da minha vida, quem quer gritar sou eu.
Sabe quando vc não sabe o que fazer da sua vida?
Acabo de ter uma noticia filha da puta qui no trabalho, vou ter q ficar rodando de agência em agência, uma coisa que odeio.
preciso sair daqui, logo!

Dina disse...

Então ....G R I T E !!!!!
Tão alto quanto sua voz permitir....
Eu as vcs sinto vontade também......
O que sei é como os vizinhos....veriam esse grito,rsrsrsr!

Linda final de semana...
Bjs.

Marcelo Martins disse...

Faço das tuas as minhas palavras, e do seu grito o meu...
Quero gritar também, mas um grito que nasça das entranhas.

* O Cantinho da Lia * disse...

Eu também quero mais...
Ta td muito bom, ta td muito bem , mas realmente...realmente...
Eu quero mais...

Quero muita coisa não...só mais um tiquinho...

beijos...
Adoro os textos e pensamentos da Marta...

Tony Madureira disse...

Olá,

Ouvi gritar??
Estou aqui!

Isso de ser mais ou menos...


Beijinhos

AF disse...

Bom fim-de-semana **,

Envolve-te na loucura e desfruta :]

Biia (: disse...

Gritar é tãão bom ^^ é a melhor coisa que temm... gritar pra todo mundo ouvir õ/õ/


Beeeeeeeeeeeeeeeijoss :*

Gabi disse...

grite e extravase total!
encarne a martha medeiros e chute o balde!!!

Não Somos Apenas Rostinhos Bonitos disse...

Grite sempre...a vida respeita quem sabe o que quer!
Beijocas,

Su disse...

Querida, aproveeeite e grite mto!! Liberte as vozes que estão aii, isso faz beeem!!!
E parabens pelos selinhos, vc os merece mto!!
Beijos e bom FDS

Glauciene disse...

Seu texto me faz lembrar uma frase de uma pessoa que aprecio:

"Prudência demais, sensatez ao extremo, força infinita, sentimentos sempre certos, sem o mínimo de confusão indispensável para um friozinho na barriga, tornariam tudo isso aqui muito chato." (INDH)

Grita! Esperneia! Canta! Dança! Faça o que tem vontade pra colocar pra fora tudo de bom que tem ai dentro. Porque essa mistura de sentimentos é o que dá tempero pra essa vida nossa.

Beeijo!

O Seu Livre Arbítrio disse...

Gritar pode ser bom, pode ser necessário, se esse for o grito de liberdade.

As vezes nos perdemos mesmo e quando isso acontece precisamos nos encontrar. Mudança de ares, uma corrida, um novo exercício (físico ou mental), uma viagem. Qualquer coisa que possa servir para olhar ao ''eu interior'' e se ver.

Bjossssssssss!
=D

janelasdavida disse...

Esse pensamento de Martha Medeiros é forte, hein? rs Concordo plenamente!
Tenha um ótimo fim de semana! Bjinho, amiguinha!

Pavón disse...

Sobreviver é muito pouco para nós que somos mortais, queremos que cada dia seja como se fosse o ultimo, que cada encontro seja tão perturbador como um desencontro, que cada sorrisoseja carregado de alegria, que cada olhar seja cheio de brilho, que cada rio seja um mar de lagrimas e que cada palavra seja cuspida pelo nosso coração......

Beijos

Diego Martins disse...

Agora estou na calmaria, mas já tive vontade de gritar assim. Acredito que uma hr o coração aflito no peito se acalme e no balanço do mar, a gente siga o curso da vida =)

ah e Zeca Baleiro é simplesmente impar!!! ;)

beijão menina!

Jardineiro de Plantão disse...

Tenho momentos desses... depois passa... são como as marés... vão e voltam... voltam e vão.

Mas a vida segue... e na bonança, nos reencontramos.

Abraço

Patricia C. disse...

como é que uma pessoa com sede de vida pode ter uma vida mais ou menos? no way! com tanta sede de vida, com certeza sua vida está acima da média.