quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Palavras, apenas palavras...

A tela em branco do computador tornou-se um desafio, o que escrever?
Escrever é difícil. Arranha a alma, doem os músculos, exige tudo que te habita no momento da escrita.
Como traduzir em palavras sentimentos? Como conseguir explicar que me sinto impotente e inútil pra ajudar um amigo que não está bem? Dizer que pode contar comigo parece que não é o suficiente, ligar pra perguntar se está tudo bem mesmo já sabendo que a resposta é: não, não está tudo bem.
O que dizer? O que fazer?
Apesar de entregar nas mãos de Deus, isso pra mim não é o suficiente. Talvez arrumar minhas malas e mesmo sendo inviável acampar na casa dele pra que ele saiba que realmente pode contar comigo também nesse momento difícil. Obrigar que se levante da cama, se cuide, saia de casa, conheça novas pessoas.
Sacudi-lo e dizer que por pior que a situação seja, mesmo que pareça interminável, por mais que os "amigos" tenham desaparecido, mesmo que a família não entenda, mesmo que tudo esteja dando errado, mesmo que os médicos não deem esperança. TEM FIM, TEM ALGO NOVO PRA ELE!!!
Angustia-me ver quem eu gosto triste, se eu tivesse o poder de carregar o sofrimento dele, juro que pegava tudo pra mim.
Quero ver novamente no sorriso dele as covinhas que tanto me encantam.
Por isso escrevo, pra dividir com o mundo esse meu sentimento de angústia.
Afinal, quem escreve, salva os outros e salva a si próprio.
Escrever liberta a alma, tudo que nos habita se transforma no mundo e o mundo todo passa a caber dentro de nós. E a beleza disso tudo transborda pelos olhos de quem lê e arremata, para bem ou para o mal, o coração de toda gente.

35 comentários:

Jarbas disse...

tem horas que não tem nada na cabeça, também.
mas meus textos vêm por "parição" quando vem vêm
já escrevi texto no meio de uma lanchonete em guardanapos com cantea emprestada de garçon.

[risos]

Carol disse...

As vezes as palavras nos faltam mesmo! Quando amamos alguém e esse alguém está mal, muitas vezes não sabemos o que fazer...mas aí um abraço, um "Eu te amo", um " Estou do seu lado" já é suficiente, pq a pessoa sente o nosso amor para ela, como uma corrente de energia que passasse!

Bjão!
;***

ANGELO ALFONSIN disse...

"Arranha a alma", lindo!,volte sempre, entre sem bater, a casa é sua.
Quanto ao teu post lá em casa, por isso é que estamos sempre na mesma merda no "país do jeitinho e do por fora"

confissoesaesmo disse...

Poxa, gostei tanto desse texto.
Às vezes somos obrigados a 'vomitar' as coisas e as palavras são uma ótima saída.
Bjo, linda!
E tô aqui, pro q der e vier!
Bjos mil

Danielle Ribeiro disse...

Às vezes o melhor é não falar nada..
Já tentou dar um abraço?
Um abraço pode falar muito mais do que sua boca...
Escrever é muito bom mesmo, mas prefiro escrever com a alma...Tenta se dar como uma carta ;)
Aproveita esse momento de inspiração...

Danielle Ribeiro disse...

Mais uma coisinha...¬¬"

Beijos e obrigada por me achar =D
De onde tu saiu minina simpática?

Apareça mais vezes ;)

dani disse...

oi fabi! agora sim..devidamente linkada!!de nada adianteria pegar os sofrimentos alheios eles são feitos sob medida pra cada um...é uma maneira que a alma clama pra se libertar! beijos
se quiser ler meu outro blog
danielamenezes.zip.net
dani
faxinageral.zip.net

Dois Rios disse...

As vezes basta a presença, a mão estendida e um olhar de carinho. É no silêncio dos gestos que se fala um mundo de palavras.
---
Gostei da sua visita. Gostei do seu blog. Voltarei sempre!

Um beijo,
Inês

Clecia disse...

Oi! Tudo bem? Fiquei feliz com a sua visita lá no Mar Azul. Espero que volte mais vezes. Gostei do seu blog, do seu post. Escrever não é fácil, às vezes custamos para colocar em palavras o que sente o coração, mas quando conseguimos é uma forma de libertação. Parabéns pelo post! Vou te linkar,ok? Um abraço!

Suzi disse...

Há duas coisas que ajudam, quando não se sabe bem o que fazer: um sorriso e um abraço.
Qualquer um dos dois (ou ambos), acompanhado de um olhar que transmita sentimento são capazes de fazer milagres, de trazer esperança a um coração desencantado, de levar a paz a alguém angustiado...
Quando tudo falha, o amor, em suas variadas linguagens e manifestações, está sempre ali, mostrando que ainda há uma saída, ainda está ali, para nos confortar e também consolar o nosso próximo.

Um beijo,
saúde e paz,
pra você e pro seu amigo.
;o)

Jens disse...

Oi Fabi.
Barra pesada. Ou, para ser mais exato, triste. Em situações assim não há muito o que fazer, a não ser apresentar teu olhar dizer, sem palavras: " amigo estou aqui. Pro que der e vier, conte comigo".
Um beijo, menina. Bom saber que ainda existem pessoas sensíveis e solidárias como você. Com pessoas assim, ainda há esperança.

Dama de Cinzas disse...

Belo post! As dores são solitárias, mesmo que estejámos acompanhados...

Obrigada pela sua visita! Bjs

Maria Fernanda disse...

quanto mais eu leio as pessoas, mais eu descubro que elas escrevem pelo mesmo motivo que eu :)

Beijo meu *:

Desarranjo Sintético disse...

Bah, eu também me sinto assim as vezes...Mas a nossa presença, apoio, fé e prestatividade é tudo que podemos dar...
E quando sou eu que estou assim, sei que é só eu e Deus...apesar que a ajuda e companhia dos amigos é um bálsamo fundamental!

Um abraço,
Obrigado pela visita!

Fábio.

Homero, O Tosco disse...

Um gesto vale mais do que mil palavras... as veses só isso basta, e sem dizer nada conseguimos ajudar alguem.

Jana disse...

é só deixar fluir, textos paridos são os melhores...

agora, ninguem carrega a felicidade ou a tristeza de ninguém.

beijo

Cirilo Veloso Moraes disse...

Sinto pelo seu amigo... Ou não. Não! Não sinto. Quem sente é ele. E é ele e somente ele quem pode fazer algo para sair dessa situação, seja lá qual for. E você com isso de querer abraçar o mundo, de querer que a tristeza dele pudesse ser sentida por você... Não o ajuda em nada essa postura. Dê a idéia, incentive-o a melhorar, a se levantar, mas no fim das contas ele é quem decide se levanta ou se fica atolado na lama. Xêro, Fabi. ;)

Iúna disse...

noooooossa! como vc é linda. Vim agradecer seu comentário, muito obrigada, e, se me permite, acredito que sim, vou linkar.
palavras! belas e bem colocadas palavras.

Lilica disse...

É realmente muito ruim quando alguém que gostamos está sofrendo e nós não podemos fazer nada... mas às vezes algumas palavras de carinho já bastam. Gostei do teu blog. Obrigada pela visita! Beijos

Monique Lôbo disse...

Quando alguém que gostamos passa por um momento dificil,por um grande sofrimento não existe palavras que possam descrever o quanto sentimos.E o sentimento de impotencia,de não poder entrar no coração dessa pessoa e arrancar toda aquela dor,é desesperaor.Mas você de alguma forma conseguiu colocar isso pra fora,escreveu e desabafou tudo isso!E tenho certeza que assim que essa pessoa ler,vai saber o quanto você o estima e o quanto quer ve-lo bem!!

Obrigada pela visita!!
Bjuss

Vaninha® disse...

Menna, sei exatamente o que vc está passando...tem horas que dá vontade de pegar a dor do outro..mas se o outro não quer...não tem jeito...
Prazer em te conehcer.
Beijos e volte sempre pq eu voltarei.

JamaL disse...

obrigado pela visita em meu blog...obrigado pelos elogios.

Volte sempre Fabi ( acho que esse é seu nome?)

beijão

Rodrigo Dias disse...

Tem horas que a pessoa tem que querer ser ajudada. Se todas as tuas forças não foram capazes, enfim, não joga tudo pro ar, mas tenta encontrar outra maneira de ajudá-lo.

Ou vê o filme "A espera de um milagre". Tua história é parecida. A diferença é que, no filme, o cara queria se libertar dos sofrimento alheio que era encarregado de carregar. Tu quer ao contrário.

Beijo

Rosi disse...

Oiê
Retribuindo a visita. Prometo que venho mais vezes, ok!
Quanto a escrever e a inspiração, qaundo ambos somem, o negócio é deixar rolar.
UM abraço

Pelos caminhos da vida. disse...

Obrigada pela visita!

Estou mexendo com mudança,qto estiver tudo ajeitado retorno aqui pra ler e comentar.
Um lindo fim de semana.

beijooo.

DO disse...

Vc tem razão. Alias,tenho consciencia que fico muito mais leve e solto qdo escrevo. Se estou triste,então,as palavras saem que é uma beleza,rssss

Otima sexta a vc

Beijos!

Mustafa Şenalp disse...

çok güzel site . :)

Sarinha disse...

Escrever é bom demaaaiiis..
Aliviaa o estresse, acalma o coraçaõ!

Retribuindo a visita!
um xero!

Marcelo Martins disse...

Creio que caso esse seu amigo lesse o que você escreveu o ajudaria muito já...
Perfeitas e belas as suas palavras.
Elas relamente nos libertam, não?

Beijinhos

Polêmica disse...

A gente não pode obrigar as pessoas a fazerem o que a gente quer mas, a gente pde contagiá-las. Tua maneira de falar com teu amigo, teu sorriso, tua alegria, tudo isso irá contagiá-lo, a tua presença ao lado dele já e uma grande ajuda!

Beijinhos!

confissoesaesmo disse...

Gente, quantos comentários!
Minha amiga é uma celebridade dos blogs! rs...

Tathiana disse...

Que lindo isso aqui: seu perfil e a energia boa, sua capacidade em ser uma amiga de verdade (sabe que isso é mais raro do que se pensa?)...
Espero que seu amigo fique bem. Se puder, acampe mesmo por lá no fim de semana! Tenho certeza de q sua energia boa vai contagiá-lo, como contagia os leitores que passam por aqui.
Beijos.

Dois Rios disse...

Voltei para conferir as novidades, mas percebi que você anda, ou meio preguiçosa ou então muuuito ocupada. Tá certo! Eu espero! rss...

Beijo,
Inês

carmen disse...

Enquanto não sabe o que fazer, ore pelo seu amigo, que na hora certa, você saberá o que fazer...
Bjs

Rogério Felício disse...

'O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis.'
Fernando Sabino